BR.Syvum Página Inicial

Home > Diversão > Yoga > Print Preview

Posturas de Yoga : Posição do Embrião no Ventre (Garbha Pindasana)

 
apid   Exatamente o que você precisa saber! 
eview  

Posturas de Yoga : Posição do Embrião no Ventre - garbha pindasana

Informações Básicas sobre a Postura de Yoga (Asana)

A Posição do Embrião no Ventre (cujo nome indiano original é Garbha Pindasana) na prática de Yoga favorece a redução do excesso de gordura no corpo, especialmente na região a abdominal.

Note que Garbha significa Ventre, e Pinda significa Embrião. A postura recebe este nome porque a pessoa que a pratica lembra um feto humano no ventre, com algumas diferenças. Enquanto o feto tem suas pernas sobre a cabeça e os braços cruzados, a pessoa que pratica a Posição do Embrião no Ventre (Garbha Pindasana) fica com a cabeça sobre as pernas e os braços paralelos em direção às orelhas. Além disso, diferente do feto, cujos braços não ficam travados entre as pernas, a pessoa na Posição do Embrião no Ventre (Garbha Pindasana) os travam ao inserir os braços nos espaços entre a panturrilha e a coxa.

Técnica Passo a Passo

Posturas de Yoga : Posição do Embrião no Ventre - garbha pindasana

  1. Sente-se no chão com sua cabeça e espinha eretas. Estique as pernas para a frente, de modo que seus joelhos e calcanhares fiquem juntos. Com a ajuda de suas mãos, coloque o seu pé direito sobre a coxa esquerda e o pé esquerdo sobre a coxa direita. Veja a Posição de Lótus (Padmasana) para maiores detalhes.
  2. Passe as mãos através do espaço entre a panturrilha e a coxa, próximo aos joelhos. Então, pressione os braços para a frente até os cotovelos.
  3. Expire e eleve seus quadris acima do chão. Dobre os braços na altura dos cotovelos e segure suas orelhas com as mãos. Cuidadosamente, equilibre o peso do corpo sobre o cóccix.
  4. Respire normalmente e mantenha esta posição final por cerca de 10 segundos (no começo) a 30 segundos ou até o seu limite*.

Dicas e Comentários

  1. O passo 1 pode ser realizado alternativamente posicionando-se o pé esquerdo primeiramente sobre a coxa direita e então o pé direito sobre a coxa esquerda. A repetição desta postura de yoga trocando o cruzamento dos pés permite que ambas as pernas adquiram flexibilidade por igual.
  2. Pessoas acima do peso podem encontrar uma certa dificuldade para passar os braços através do espaço entre a panturrilha e a coxa. Contudo, é mais fácil de passar os braços pelo espaço se a pessoa se leventar um pouco após o passo 1.
  3. A Posição do Embrião no Ventre (Garbha Pindasana) é uma variação da Posição de Lótus (Padmasana ou Kamalasana). Se você encontrar dificuldade em praticar o Passo 1 começando com a Posição de Lótus (Padmasana), tente a Posição de Meia Lótus (Ardha Padmasana) inicialmente. Posteriormente, mude para a Posição de Lótus.
  4. *Limite é o tempo até o qual você consegue permanecer confortavelmente em uma postura de yoga. O limite pode variar de pessoa para pessoa dependendo do condicionamento físico, idade e força de vontade.

Possíveis Benefícios da Postura de Yoga (Asana)

  1. Acredita-se que a Posição do Embrião no Ventre (Garbha Pindasana) auxilia na união entre a alma e a mente.
  2. O abdômen permanece em forma e magro devido a contração total durante a postura.
  3. O sistema digestivo melhora com a prática regular desta postura. Ela também trata todos os tipos de doenças estomacais.
  4. Esta postura de yoga proporciona exercícios para as partes superior e inferior do corpo de quem a pratica.
 

Aviso Legal: Syvum não faz representações nem oferece garantias de quaisquer tipos, expressas ou implícitas, quanto a acurácia do conteúdo e uso das informações referentes à prática de de Yoga. É altamente recomendável que a pessoa procure orientação médica antes de praticar quaisquer atividades físicas. As informações aqui contidas não visam a substituição da opinião dos profissionais da área médica. À total extensão permissível por lei, Syvum se isenta de quaisquer garantias, expressas ou implícitas, incluindo, mas não limitadas a garantias implícitas e serventia para um propósito em particular. Syvum não será responsável por quaisquer danos derivados da utilização das informações referentes à prática de Yoga, incluindo mas não se limitando a danos diretos, indiretos, incidentais, punitivos e consequenciais.

 
10 more pages in Yoga

Fale consosco © 1999-2017, Syvum Technologies Inc. Politíca de Privacidade Aviso legal e direitos autorais